IBGE suspende coleta presencial da dados da PNAD Contínua

0
61

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE ) decidiu suspender a coleta domiciliar presencial da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (PNAD Contínua). A decisão foi tomada levando em consideração o quadro de emergência em saúde pública causado pelo novo coronavírus e as orientações do Ministério da Saúde.

O IBGE diz que estuda alternativas para que a pesquisa possa ser feita sem a realização de visitas domiciliares. O órgão destacou, no entanto, que os padrões de qualidades serão mantidos. “Toda e qualquer opção ou possibilidade será antes testada e validada para assegurar os padrões de qualidade e excelência do corpo técnico do IBGE, buscando preservar a série histórica dos dados”, apontou em nota.

De acordo com o IBGE, a PNAD Contínua acompanha as flutuações trimestrais e a evolução, no curto, médio e longo prazos, da força de trabalho, e outras informações necessárias para o estudo do desenvolvimento socioeconômico do país.

Para chegar aos dados, o IBGE produz indicadores trimestrais sobre a força de trabalho e indicadores anuais sobre temas suplementares permanentes, entre eles, trabalho e outras formas de trabalho, como cuidados de pessoas e afazeres domésticos, tecnologia da informação e da comunicação.

A pesquisa começou, experimentalmente, em outubro de 2011 e, a partir de janeiro de 2012, se tornou definitiva em todo o país. 

Trimestral

Nos primeiros números sobre o desemprego em 2020, divulgados pelo IBGE no dia 28 de fevereiro, a taxa de desocupação no trimestre móvel encerrado em janeiro ficou em 11,2%, o que significa 0,4 ponto percentual menor do que a registrada no trimestre anterior, encerrado em outubro. Naquele momento 11,6% da população economicamente ativa estava sem trabalho.

Censo

O IBGE informou ainda que em breve, anunciará o novo cronograma do Censo Demográfico.

Fonte: http://www.ebc.com.br